Imagem capa - Você se considera preparado para ser um fotógrafo de recém-nascidos? por Bel Ferreira
Para o fotógrafo

Você se considera preparado para ser um fotógrafo de recém-nascidos?



Hoje, resolvi falar sobre algo de extrema importância dentro da fotografia de recém-nascidos.

Um assunto que deveria ser prioridade, mas tenho visto ele sendo deixado para "depois" na maioria dos casos, por isso, resolvi falar um pouco sobre esse assunto. 

Você se considera preparado para ser um fotógrafo de recém-nascidos?

Você seria capaz de salvar a vida do bebê em caso de engasgo? 

Você saberia o que fazer se isso acontecesse no meio de uma sessão de fotos? 

Eu sei, e sei disso porque, EU SEI COMO FUNCIONA O RECÉM-NASCIDO.

Quer saber como eu sei? Aqui vai a resposta:


Gabi Abreu

Enfermeira (Coren: 98.810) especialista em pediatria, neonatologia e em prevenção de infecções. 8 anos de experiência com recém-nascidos, sendo 5 no HU-USP e 3 no Hospital Israelita Albert Einstein, além de 5 anos de experiência em Prevenção de Infecções também no Hospital Albert Einstein. Experiência como professora convidada em cursos de pós-graduação do Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa, além do curso de segurança do paciente para a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA).


Camila Calegari

Enfermeira (Coren: 158.167) especialista em pediatria e neonatologia. 8 anos de experiência em UTI pediátrica e neonatal do HU-USP e 5 anos de experiência em atendimento de emergência no AMA-Faculdade de Medicina da USP. 2 anos de experiência como docente no curso de graduação em enfermagem na UNIP e capacitada pela American Heart Association nos cursos PALS (Suporte Avançado de Vida em Pediatria) e ACLS (Suporte Avançado de Vida em Cardiologia).


Essas duas meninas apareceram na minha vida ha mais ou menos 2 anos, e depois delas, muita coisa mudou. Camila e Gabi também são fotógrafas de recém-nascidos em SP, e ha algum tempo, desenvolveram um curso importantíssimo para preparar melhor os fotógrafos de recém-nascidos no que diz respeito à saúde e segurando do bebê, 

O curso COMO "FUNCIONA" O RECÉM-NASCIDO foi desenvolvido para que os fotógrafos pudessem aturar na área com mais segurança e com o conhecimento adequado sobre a fisiologia do bebê, quando eu fiz o curso, já era referência no Brasil, mas tinha muita coisa que eu não sabia, e com certeza ele me embasou ainda mais para conversar com os pais com a certeza de que eu sabia exatamente o que eu estava falando.

Um ano depois disso, escrevemos um livro juntas, Manual da Fotografia Newborn onde eu e a Dani falamos sobre a técnica e elas sobre a questão mais importante que é a segurança, um livro muito completo que com certeza tem mudado a visão dos profissionais sobre essa questão tão importante que é priorizar a segurança do bebê acima de tudo.

Quando falamos de segurança não estamos falando apenas de ter um assistente do lado do bebê cuidando para que nada aconteça, ela vai muito além disso.

Só para que vocês tenha uma ideia, vejam o que é abordado no curso SIS:


Primeiro dia 


Anatomia e fisiologia do recém nascido

Nesse período da manhã vamos explicar as particularidades do indivíduo recém-nascido. Vamos abordar temas como:

- Sono

- Temperatura

- Umidade

- Posicionamento seguro

- Alergias

- Pele, entre outros... E como cada uma dessas particularidades pode influenciar no seu ensaio newborn.


Infecções e como prevenir

Nessa aula vamos falar sobre: Como acontece uma infecção, quais fatores favorecem a ocorrência de uma infecção e como pegamos e transmitimos infecções. Com exemplos práticos e dinâmicos vamos ensinar tudo que podemos e devemos fazer para evitar a transmissão de infecções durante um ensaio newborn.


Situações de emergência

Nesse momento vamos mostrar com exemplos reais e na prática o que fazer em situações de emergência. Elas não são tão frequentes, mas e se um dia acontecer? Será que o fotógrafo está preparado para lidar com essas situações? Ao final desse dia você estará!


Segundo dia


PREPARE-SE PARA O ENSAIO! =D

O aluno irá aprender posicionamento seguro

 

Se os alunos se sentirem confiantes, vão poder manipular o bebê sob supervisão da Gabi e da Camila


Antes do bebê chegar

O alunos irão preparar o estúdio para receber o bebê e seus pais de acordo com o que foi ensinado no curso teórico. Será feita a limpeza/desinfecção de superfícies..


Quando o bebê chegar

O alunos verão posicionamento no puff e no prop, podendo entender qual a maneira correta de posicionar e garantir a segurança do bebê.

 

Aprenderão também como o fotógrafo deve agir dependendo do comportamento do bebê, ou seja, identificar as necessidades do bebê e supri-las:

- Se ele precisar mamar, o que o fotógrafo precisa orientar a mãe;

- Se o bebê chorar, como devemos acalmá-lo;

- Se fizer xixi ou cocô, o que fazer;

- Quando e como higienizar as mãos;

- Como agir em situações diversas e inesperadas durante o ensaio.


No decorrer do dia

Serão abordados assuntos como:

- Prematuros;

- Bebês com fraturas de clavícula;

- Bebês especiais: Síndrome de down, mal formações congênitas como: lábio leporino, fenda palatina, microcefalia, cardiopatia congênita entre outras;

- Bebês com ostomias: gastrostomia, traqueostomia e colostomia;

- Comunicação com os pais para conquistar a sua confiança.

 

Se depois de ler tudo isso, você não conseguiu responder à pergunta do título da postagem, te convido a entrar no site e se inscrever em um dos cursos que tem pelo Brasil, e o nosso estúdio terá a honra de sediar mais uma vez esse curso que mudou a minha vida, nos dias 07 e 08 de outubro, em Curitiba.


Para se inscrever, clique aqui


Camila e Gabi, obrigada por fazer de Bel Ferreira e Dani Kmetiuk profissionais ainda mais preparadas para esse mundo tão lindo da fotografia de newborn.